Dicionário Virtual de Biologia
Visite o site do ifrn

Gigantismo


Difere da acromegalia por ser uma disfunção característica de crianças, atingindo essas na fase em que a cartilagem ainda está em fechamento. É provocada por excesso de produção do hormônio do crescimento (GH), associado à um tumor na glândula pituitária. Os indivíduos que sofrem desta doença alcançam estaturas entre 2,30m e 2,72m. Os sintomas da doença consistem em mudanças na aparência física que vão desde o crescimento de mãos e pés, alargamento da região frontal e da testa, queixo proeminente, espaçamento entre os dentes e perda dentária, aumento do volume do tórax, nariz, genitais e dos lábios ao espessamento da pele que se torna oleosa e propensa à acne. O indivíduo pode vir a apresentar ainda sudorese abundante e alterações respiratórias, cardiovasculares, gastrintestinais, metabólico-endócrinas, músculo-esqueléticas, neurológicas e oftálmicas.

4.bp.blogspot.com_6uxyawcqwio_th2joovmawi_aaaaaaaad8e_qtadd96koti_s400_20100831_gigantismo.jpg

Imagem retirada de: http://detudoumpoucoapouco.blogspot.com.br/2012/08/o-gigantismo.html